Bial Mendes

Bial Mendes

Dois carros se envolvem em acidente na BR-226

As agências da Caixa terão horário ampliado, nesta sexta-feira (13), para atender os trabalhadores que têm direito a sacar até R$ 500 das contas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Assim, as agências, que normalmente abrem às 11h, vão iniciar o atendimento às 9h. Aquelas que abrem às 10h, iniciarão os trabalhos às 8h e as que abrem às 9h atenderão a partir das 8h e terão uma hora a mais ao final do expediente. No caso de agências que abrem às 8h, serão duas horas a mais ao final do horário de atendimento.

O horário de atendimento ampliado também vale para a próxima segunda (16) e terça-feira (17).

O banco fará o depósito automático para quem tem conta poupança no banco, seguindo calendário do mês de nascimento do trabalhador. Quem nasceu em janeiro, fevereiro, março e abril recebe primeiro. Os próximos a ter acesso ao saque são os nascidos em maio, junho, julho e agosto, no dia 27 deste mês. Em seguida, no dia 9 de outubro, será a vez os nascidos em setembro, outubro, novembro e dezembro.

Segundo a Caixa, cerca de 33 milhões de trabalhadores receberão o crédito automático na conta poupança. Os clientes do banco que não quiserem retirar o dinheiro têm até 30 de abril de 2020 para informar a decisão em um dos canais divulgados pela Caixa: site, Internet Banking ou aplicativo no celular.

Os clientes da Caixa que têm conta corrente podem fazer o pedido de crédito em conta por meio dos canais de atendimento

Para aqueles que não têm conta poupança na Caixa, aberta até o dia 24 de julho de 2019, ou conta-corrente, o calendário começa no dia 18 de outubro, para os nascidos em janeiro, e vai até 6 de março de 2020, para os nascidos em dezembro.

Saiba como sacar o pagamento do FGTS aqui.

*Com informações da repórter Kelly Oliveira, da Agência Brasil

Agências da Caixa ampliam horário nesta sexta para saques do FGTS

Uma ação realizada nesta quinta-feira (12) pela PRF em parceria com a AGED/MA retirou animais soltos ao longo da BR-230, no município de Balsas.


Pela manhã, a equipe recolheu 07 (sete) animais soltos que caminhavam sobre o asfalto ou na área de domínio. Faz um pouco mais de um mês que uma equipe PRF atendeu um acidente com óbito envolvendo animal na pista. 

Os trabalhos deverão continuar nos próximos dias. 


Fonte: PRF

PRF e AGED recolhem animais soltos na BR-230/MA

Foi lançada na manhã desta terça-feira, 10, na Praça Nauro Machado, Praia Grande, a campanha “Rede do Bem: estamos aqui para ajudar!”, uma iniciativa do Ministério Público do Maranhão, por meio do Centro de Apoio Operacional de Direitos Humanos, em parceria com o Fórum Estadual de Prevenção da Automutilação e do Suicídio.


Dez de setembro é a data definida pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como o Dia Mundial da Prevenção ao Suicídio.

Idealizada pela promotora de justiça Cristiane Maia Lago, coordenadora do Centro de Apoio Operacional de Direitos Humanos (CAOp-DH), a campanha tem o objetivo de prevenir a automutilação e o suicídio, principalmente entre o público jovem.

De acordo com dados da OMS, 800 mil pessoas recorrem ao suicídio anualmente, tornando-se a segunda maior causa de morte entre os jovens. Em primeiro lugar, estão os acidentes de trânsito.










A programação teve início às 7h30, no estacionamento do Centro de Criatividade Odylo Costa Filho, com o plantio de mudas de árvores. Membros e servidores do MPMA, representantes de instituições parceiras do Fórum, profissionais de saúde, estudantes e professores das redes públicas de ensino estiveram presentes no evento.

Foram realizadas palestras com enfoque sobre a temática da prevenção à automutilação e ao suicídio, rodas de conversa, atendimentos de saúde, além de apresentações e atividades culturais e desportivas. As ações aconteceram na Praça Nauro Machado, Centro de Criatividade Odylo Costa Filho, Casa de Cultura Huguenote Daniel de La Touche e Centro Cultural e Educacional Mandingueiros do Amanhã.

O Coral Vozes do MP apresentou-se no palco montado na Praça Nauro Machado.

IMPORTÂNCIA DA CAMPANHA

A promotora de justiça Cristiane Lago destacou a importância da campanha, que enfoca um tema tão complexo e delicado para a sociedade. “É uma questão de saúde pública que deve ser abordada com muita seriedade, mas sobretudo com alternativas. Nós temos que demonstrar que há opções, sim, de vida saudável, edificante, que é o que estamos apresentando aqui hoje, com as atividades culturais, esportivas, lazer, objetivando propiciar uma prevenção efetiva”, afirmou.

Em uma roda de conversa com alunos de escolas públicas da rede municipal de São Luís, policiais militares com formação em psicologia orientaram o público sobre os cuidados que devem ser adotados na prevenção ao suicídio.

A tenente-coronel Cristiane Luna, a tenente Andreia Cavalcanti e o cabo Alison Oliveira alertaram os estudantes sobre atitudes que podem ser adotadas quando nos deparamos com comportamentos de pessoas que se isolam dos grupos sociais e revelam uma tristeza profunda. “No dia-a-dia, até cuidamos da nossa saúde física, mas esquecemos da saúde mental. Hábitos simples, como cuidar da aparência, sair com amigos, viajar, ler um livro, ver um filme, podem fazer a diferença e contribuir para uma melhor qualidade de vida”, orientou Cristiane Luna.

O diretor da Secretaria para Assuntos Institucionais da Procuradoria Geral de Justiça, Marco Antonio Amorim, considera que uma grande saída para o combate aos cada vez mais crescentes números do suicídio seja o esforço coletivo de todos os segmentos da sociedade. “Campanhas como esta é que podem trazer resultados mais eficazes para a prevenção. Esta reunião de cerca de 70 entidades parceiras é uma demonstração clara desse desejo de enfrentar o problema de forma organizada”, acentuou.

PROGRAMAÇÃO VESPERTINA

No período da tarde, a programação foi iniciada com apresentação do grupo de teatro Atuart do Liceu Maranhense com a peça “Um grito de socorro”, para alunos do ensino fundamental de escolas públicas.

Em seguida, os estudantes conheceram as instalações do Museu Huguenote Daniel de La Touche, que é um espaço de artes, cultura, história e memória da fundação francesa de São Luís. Além de conhecer aspectos históricos, os estudantes participaram de conversas e debates sobre literatura com escritores maranhenses e de uma oficina de xadrez.

A programação, simultânea, do evento contou com a palestra “Prevenção ao uso de álcool e outras drogas”, ministrada pelos policiais militares do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd).

Também foi realizada a palestra com o tema “Educação e saúde: possibilidades de cuidado em saúde mental”, ministrada por psicólogos e profissionais de educação das secretarias municipais de Educação e Saúde de São Luís e dos centros de atenção psicossociais.

Outra atividade foi a Roda do Bem, que permitiu troca de informações sobre ansiedade, depressão e saúde mental com o tema “Não se isole, peça ajuda”. O trabalho foi conduzido por psicólogos e membros da igreja Assembleia de Deus.

As instituições parceiras e que compõem a Rede do Bem colaboraram com a programação divulgando seus trabalhos, a exemplo de uma exposição sobre a história do Centro de Cultura Negra do Maranhão e produtos terapêuticos do Hospital Nina Rodrigues. A equipe da Ouvidoria do MPMA também esteve presente divulgando o seu trabalho.

No encerramento, os representantes do Fórum Estadual de Prevenção da Automutilação e do Suicídio se manifestaram, para fazer uma avaliação do dia e anunciar novas etapas da campanha “Rede do Bem: estamos aqui para ajudar!”.

“Hoje, nesta data, Dia Mundial de Combate ao Suicídio, nós estamos plantando uma semente extremamente importante que dará muitos frutos positivos. O problema do suicídio é algo sério, grave, presente de forma velada. Não se pode colocar esse tema embaixo do tapete. Temos que discutir, envolver as famílias e as escolas nessa grande rede do bem para que possamos salvar vidas”, afirmou o procurador-geral de justiça, Luiz Gonzaga Martins Coelho.

O promotor de justiça de Defesa da Educação, Paulo Silvestre Avelar Silva, destacou a importância de prevenir o suicídio e chamou atenção para o grande número de casos de automutilação de adolescentes. “Essa campanha vem sanar uma lacuna em nosso estado, principalmente na capital, para ajudar a minorar esse quadro grave”.

 O evento foi encerrado com um show do cantor Marquinho Leite.

 Redação: José Luís Diniz e Johelton Gomes (CCOM-MPMA)

Fotos: Daucyana Castro e Johelton Gomes (CCOM-MPMA) e Evandro Filho (Semcas)

Campanha “Rede do Bem: estamos aqui para ajudar!” é lançada

O radialista Laska Campos está em casa descansando depois do forte susto que levou ontem (9), a noite. É que ele estava retornando para casa por volta das 23h quando teria perdido o controle do carro que dirigia, o veículo saiu da pista e colidiu com um muro na avenida dos Franceses próximo  á Associação da Caema.


Segundo seus familiares, o radialista foi atendido em um hospital da capital e depois foi levado para casa. 

 A frente do veículo ficou totalmente destruída, mas graças a Deus,  Silvenir Campos estava usando o cinto de segurança que a priori evitou o pior. Nas próximas horas o comunicador deve falar com seu público. Laska Campos apresenta diariamente na Rádio MAIS 99.9FM o Show do Laska, o programa vai ao ar ao meio-dia.






Apesar do susto, Laska Campos está bem!

Uma tentativa de assalto a um ônibus terminou com uma pessoa morta e duas feridas na terça-feira (3) na BR-316 próximo da entrada do município de Olho d’Água das Cunhãs.

Segundo a polícia, tudo começou quando dois homens embarcaram no ônibus que fazia o percurso entre as cidades de Bacabal e Buriticupu. Antes de chegar a cidade de Pio XII, a 270 km da capital, eles anunciaram o assalto.


Um policial militar (PM) que estava dentro do ônibus reagiu ao assalto porque, segundo as informações da própria polícia, os assaltantes já entraram no veículo afirmando que se houvesse algum policial dentro do ônibus seria o primeiro a morrer.

Diante disso, o PM sacou a arma, começou a trocar tiros com os bandidos e atingiu um dos criminosos, reconhecido como Ednan Oliveira Coelho, de 40 anos, que morreu no ônibus. O outro assaltante também foi atingido pela arma do PM, mas conseguiu sair do ônibus e fugiu em direção ao mato. O motorista do ônibus, identificado como Manoel Divino Ribeiro, 55, também levou um tiro na região do pé.

Após a ação criminosa, o PM chamou uma equipe da Polícia Militar de Pio XII e os policiais fizeram uma busca no local e o segundo assaltante, que foi baleado na região da barriga, foi capturado minutos depois do crime.

O motorista foi socorrido e levado para o Hospital Municipal de Pio XII e após procedimento cirúrgico foi liberado. O assaltante, que também ficou ferido, foi encaminhado para o Hospital Municipal de Santa Inês por seu estado ser considerado mais grave e logo após foi transferido para São Luís.

Após o susto, os passageiros seguiram viagem até Santa Inês e depois trocaram de ônibus e continuaram a viajar até o município de Buriticupu.

A polícia ainda está apurando se há mais alguém envolvido nessa ação criminosa. Com o suspeito que foi preso, e não teve a sua identidade revelada, a polícia apreendeu duas armas de fogo, sendo um revólver calibre 38 e outro de calibre 32.

De acordo com a polícia, Ednan Oliveira Coelho tinha uma autorização de saída temporária, mas a polícia não informou quando foi a data que ele recebeu essa autorização de saída temporária.


TEXTO E FOTO DO NOCA.

Tentativa de assalto termina em morte na BR-316 no MA

Moradores do Sá Viana em São Luis fecham Barragem do Bacanga